Como impedir a tralha de entrar em nossa casa?

Atrapalha

É com muito orgulho que partilho contigo um excerto do texto que tive a oportunidade de publicar, como convidada, num blogue fantástico que sigo há algum tempo, o Super Organizada.

Trata-se de um espaço dedicado  à organização (o nome não engana!), em todas as suas vertentes. Está cheio de dicas excelentes e de inspiração maravilhosa.

A sua autora, a minha querida Marlene, é exímia na arte de encontrar formas de nos ajudar a organizar e, consequentemente, a simplificar a nossa vida. Passa por lá mal possas!

O tema deste artigo foi destralhar (não podia deixar de ser, não é?), numa vertente muito prática: não deixar tralha entrar em casa!

Deixo-te algumas dicas que partilhei. Para leres este texto na íntegra, clica aqui.

  1. Sê mais amiga do ambiente. Quem simplifica apercebe-se do impacto que ter menos tem no nosso planeta. Diminuir a quantidade de embalagens que trazemos para casa resulta em menos lixo e menos preocupações. Opta por produtos sem embalagem, ou com o menos possível.
  2. Não te esqueças do teu próprio saco quando vais às compras, evitando assim teres de adquirir (mais) um. E é boa ideia ter um saco reutilizável sempre à mão.
  3. Recusa todos os papéis sem utilidade: talões de compra, segundas vias, ou publicidade que te tentam oferecer na rua.
  4. Evita os post-its, ou outros pequenos papéis, que são tão fáceis de perder. Anota tudo no sítio correto: agenda, telemóvel, quadro branco, ou qualquer que seja o método que usas.
  5. Pensa duas vezes antes de aceitar fazer um cartão de cliente que implique algo físico. Tencionas realmente voltar a comprar nesse estabelecimento? Ter o cartão tem impacto na compra atual? Se o cartão puder ser meramente virtual, menos lixo será gerado.

Agora que já sabes como manter ao largo o que não te interessa, que tal avançar para um destralhamento a sério?

Lê o meu guia Destralhar sem Dramas e põe mãos à obra!

Já agora, que dicas acrescentarias a esta lista?

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *